SERIE B - No sufoco, Ceará fica no empate

Alvinegro chegou a estar perdendo para o Criciúma por 2 a 0, mas chegou à igualdade em jogo tumultuado no PV
Em jogo emocionante e com polêmica no fim, válido pela 9ª rodada da Série B do Brasileiro, Ceará e Criciúma empataram em 2 a 2, ontem à noite, no Estádio Presidente Vargas. 


O gol de Rogerinho causou tumulto no fim da partida. Os catarinenses reclamaram da falta de “fair play” do Alvinegro no lance que originou o empate Foto: Kid Júnior
Itamar e Rogerinho marcaram os gols do Vovô e Válber e Kléber fizeram para o Tigre, que chegou abrir 2 a 0 na partida.
O resultado levou o Ceará para a décima colocação na tabela, com 12 pontos. Já o Criciúma segue na liderança da competição, somando 22 pontos.

O jogo
Logo de cara, o Ceará tomou a iniciativa da partida e trabalhou a bola no campo de ataque, apostando nas investidas de Apodi pela direita e nas bolas lançadas por Rogerinho. Entretanto, foi o Tigre que, no primeiro ataque, aos 11 minutos, abriu o placar. Robert cruzou na área, Douglas deu um leve toque de calcanhar e a bola sobrou para Válber, que chutou no alto, sem chances para Fernando Henrique.
No prejuízo, o Alvinegro se impôs no jogo e criou pelo menos quatro oportunidades claras de empatar. Romário, em duas chances, livre, desperdiçou. 

Tigre amplia

Só que em lance rápido de contra-ataque, aos 35, Kléber recebeu a bola no meio-campo, conduziu até a área alvinegra e chutou no canto do goleiro do Ceará, marcando o segundo gol dos catarinenses. Depois disso, o Vovô ainda criou outras boas oportunidades, mas Douglas Leite fez belas defesas e assegurou o placar da primeira etapa.
Na volta para o 2º tempo, Romário foi substituído por Itamar. E aos 20 minutos, o atacante marcou um belo gol de cabeça, aproveitando o cruzamento pela esquerda de Eusébio. 

Tentando mais obter mais ofensividade do time, PC Gusmão substituiu Everton e Robston por Leandro Chaves e Thiaguinho, respectivamente. Mas foi aos 44 minutos que Rogerinho arriscou de fora da área e igualou o marcador. Até aí estaria tudo bem, se não se tratasse de um lance que provocou a revolta dos jogadores do Criciúma, que reclamaram falta da “fair play” da parte do time da casa. Isto porque havia um jogador do Tigre caído em campo, pedindo atendimento, quando Apodi bateu um lateral pela direita que iniciou o lance do gol.

O lance gerou muita confusão em campo e culminou com as expulsões de Daniel Marques, do Ceará, e Lucca, do Tigre.
Na próxima rodada, no sábado, 14, o Ceará enfrenta o América/RN, fora de casa, às 16h20, no estádio Nazarenão. Já o Criciúma recebe o Boa Esporte, na terça, 10, no Heriberto Hulse.
Share on Google Plus

About Max Wenderson

0 comentários: