TRICOLOR TENTA VAGA ANTECIPADA

Triunfo aliado a combinação de resultados pode garantir hoje passagem do Fortaleza à 2ª fase
Com 30 pontos ganhos no Grupo A da Série C, o Fortaleza poderá até garantir a sua classificação antecipada às oitavas de final da competição caso ocorram algumas situações nesta penúltima rodada. A primeira delas é vencer o Cuiabá, às 19h de hoje, no estádio Dutrinha - com transmissão ao vivo da TV Diário. Segundo, é preciso que a sorte acompanhe o Tricolor o Pici em relação aos jogos dos rivais da chave.

Ausência de Assisinho dará chance a Robert no ataque tricolor Foto: Kid júnior

Na hipótese de o Leão vencer, será necessária uma combinação de resultados para a vaga à fase mata-mata sair antecipadamente. É preciso que haja empate entre Baraúnas/RN x Luverdense/MT, Sampaio Corrêa/MA x CRB/AL e o Santa Cruz vença o Brasiliense. Se ocorrer essa combinação de placares, o time cearense se classifica por ter uma vitória a mais que os concorrentes, que não os alcançariam mais no critério.

Jejum fora

Para atingir o objetivo almejado, o Fortaleza enfrenta um desafio. Sob o comando do técnico Luiz Carlos Martins, o time ainda não venceu fora de casa. Em quatro jogos, o máximo que o treinador conseguiu foi um empate com o Águia, em Marabá (PA). Agora, o time que dirige precisa encerrar esse incômodo jejum, que pode gerar desconfiança para os futuros jogos no Nacional.

"Nosso grupo é bom, temos vencido algumas partidas importantes, mas está na hora de conquistar um resultado satisfatório fora de casa", comentou o treinador tricolor.

Do jogo anterior, que foi contra o Luverdense, para o deste domingo, o treinador do Fortaleza fará três alterações. Muda também o esquema da equipe. O meia Danilo Rios ficou de fora por opção do técnico, que vai escalar o zagueiro Fabrício, mudando a composição do 4-4-2 para o 3-5-2. Já o atacante Assisinho, por sua vez, suspenso, dá lugar a Robert e na lateral esquerda, Marinho Donizete dá lugar a Guilherme Lazaroni.

Entre os 18 relacionados do Tricolor para a partida, a principal novidade é o meia Alex Maranhão, que passou seis meses para se recuperar de lesão no joelho está totalmente reabilitado.

Cuiabá mira vitória para não cair e até almejar o G-4O Cuiabá não perde há quatro rodadas e, com 26 pontos, tanto pode sonhar com o G-4, se vencer, como corre risco de rebaixamento no caso de uma derrota. Por isso, o técnico Mazola Júnior fala em "jogo da vida".

Apesar da motivação, o Dourado não terá dois jogadores considerados importantes. O atacante Igor e o volante Vandinho. O primeiro estava sob efeito suspensivo, que foi julgado, e terá de cumprir quatro jogos de punição pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). Já Vandinho, com problemas particulares, não foi relacionado.























(FONTE: Diário do Nordeste)
Share on Google Plus

About Max Wenderson

0 comentários: